USA

USA
Bandeira dos EUA

Pesquisar este blog

quarta-feira, 9 de junho de 2010


Economia

A economia dos Estados Unidos é a maior economia nacional do mundo. Seu produto interno bruto nominal foi estimado em 14,2 trihões dólares em 2009, que é aproximadamente três vezes maior do que a segunda maior economia nacional do mundo, o Japão. Seu PIB PPC é quase o dobro do segunda maior, a China.A economia estadunidense mantém um alto nível de produção per capita. Historicamente, a economia estadunidense tem mantido uma taxa de crescimento do PIB estável, uma baixa taxa de desemprego e elevados níveis de pesquisa e de investimento financiados por capitais nacionais e, por causa da diminuição das taxas de poupança, cada vez mais pelos investidores estrangeiros. Em 2009, os gastos dos consumidores respondia por 71% do PIB dos Estados Unidos. Desde os anos 1970, a economia dos Estados Unidos tem absorvido poupanças a partir do resto do mundo. O fenômeno é objeto de discussão entre os economistas. Assim como outros países desenvolvidos, os Estados Unidos enfrentam um baby boom retraído, o que já faz com que a população comece a retirar suas contas da Segurança Social, no entanto, a população estadunidense ainda é jovem e em crescimento, quando comparado a Europa ou Japão. A dívida pública dos Estados Unidos está em um excesso de US$ 12 trilhões e continua a crescer a uma taxa de cerca de 3,83 bilhões dólares por dia. O mercado de trabalho estadunidense atrai imigrantes de todo o mundo e tem uma das taxas mais altas do mundo de migrações. Os estadunidenses têm o maior rendimento por hora trabalhada. Os Estados Unidos figuram, pela primeira vez, em segundo lugar no Relatório de Competitividade Global, devido aos efeitos da crise econômica. O país tem o maior e mais influente mercado financeiro do mundo, casa de grandes e principais bolsas de valores e commodities como NASDAQ, NYSE, AMEX e CME.

Nenhum comentário:

Postar um comentário